Fraturas do Quadril

Fraturas do Quadril do Idoso

A fratura do fêmur proximal tem grande impacto na população idosa devido à frequência que ocorrem e a morbimortalidade que acarreta. Em alguns hospitais de trauma pode corresponder a 20% dos pacientes. Ocorrem principalmente na região trocantérica e no colo do fêmur. Ocorre mais comumente com quedas da própria altura e outros traumatismos de baixa energia.

 Conforme a literatura médica mundial, a mortalidade após o evento atinge números expressivos, podendo chegar a 35% após 1 ano da fratura!

A população mais propensa a este tipo de fratura, indivíduos do sexo feminino acima de 60 anos de idade, tem sua reserva funcional diminuída e apresenta um grande número de doenças crônicas associadas, com 70% dos pacientes tendo, pelo menos, duas outras doenças no momento da fratura. A presença de morbidades previas a fratura aumentam as chances de complicações tanto no período peri-operatório quanto a longo prazo.

Fatores de Risco

Os maiores riscos de fratura no idoso incluem osteoporose e quedas. Dentre os fatores que aumentam o risco de queda estão a demência senil, perda da acuidade visual, distúrbios de equilibro, abuso de bebidas alcoólicas e outras substâncias.

Aproximadamente 90% das fraturas em idosos ocorre de uma queda simples da própria altura. O risco de fratura no quadril durante toda a vida é 17% em mulheres e 6% em homens.

Prevenção
  • Modificações no Domicilio:
    Algumas modificações no domicílio podem evitar quedas. É recomendado deixar a casa bem iluminada, sem tapetes e pisos escorregadios e com corrimãos em pontos de maior risco.

  • Bengala ou Muleta:
    Aumentam o equilíbrio e auxiliam pacientes com alterações na marcha.

  • Sapatos:
    Sapatos de salto, escorregadios ou muito folgados, podem facilitar quedas e devem ser evitados.  Caminhar só de meias também pode ser perigoso

  • Vitamina D:
    Pode diminuir o risco de quedas em idosos, pois ajuda os ossos e músculos a ficarem mais fortes. O seu médico poderá dizer qual a dose necessária para o seu caso.

  • Exercícios:
    Caminhada, natação, hidroginástica e Tai Chi são exemplos de exercícios que auxiliam a manter tanto a força quanto o equilíbrio.

  • Protetor de Quadril:
    Roupas de baixo com acolchoado lateral pode evitar que o quadril quebre, caso ocorra a queda.

    1Protetor de Quadril
    Fig. 1 - Protetor de Quadril

Atendimento

SEGUNDA A SEXTA-FEIRA
8h às 12h - 14h às 18h

CENTRO CLÍNICO MÃE DE DEUS

Rua Costa, 30 | Sala 806
Bairro Menino Deus
Porto Alegre | RS

COMO CHEGAR

Contato

Fone: 51 3230 266151 3230 2661

contato@ramirozilles.com.brcontato@ramirozilles.com.br

Envie uma mensagem:Envie uma mensagem: